Jean Claude Obry

Membro da Société Française de Graphologie desde 1964, estudou e atuou durante vários anos na França e em muitos outros países, ampliando a sua pesquisa em relação à psicossomática aplicada, assuntos que são ministrados por ele em outros cursos. Participou da constituição da SOBRAG, Sociedade Brasileira de Grafologia, em São Paulo em 1980-1981.

O professor Jean Claude Obry é também autor do livro BRASIL MEU AMOR, Substituindo o Jeitinho pelo Talento, onde faz uma reflexão sobre o potencial do brasileiro e como cada cidadão pode se tornar uma verdadeira solução para o que parece ser uma problemática nacional. Fruto de dedicadas pesquisas e acrescido por uma visão aguçada da psicossomática associada a uma filosofia aplicada à visão da física quântica, o texto pretende esclarecer razões profundas do subdesenvolvimento, analisando-o por um prisma inusitado. Além disso, nos esclarece também o porquê insistimos em empurrar a solução para mais à frente, ao acreditarmos que o Brasil é o país do futuro, não conseguindo transformá-lo na Pátria dos nossos sonhos.

Mostra um Brasil a partir de seus problemas para em seguida desmistificá-los, e então propor uma nova visão para o indivíduo e o coletivo, a fim de que possamos modificar algumas estruturas perniciosas, tanto no aspecto pessoal como no sociológico e cultural.

Para adquirir o livro BRASIL MEU AMOR, Substituindo o Jeitinho pelo Talento, basta acessar o site www.beone.org.br

Os comentários estão encerrados.